Archive for July, 2012

AwAreness: Serve / A consciência: Sirva

Posted in Gypsy Carns on July 30, 2012 by Gypsy Carns

Many people hear the word “serve” and feel that they do not have the necessary qualities to make a difference in others’ lives. This is true–apart from God. But He has gifted each of us in unique ways with a purpose in mind. His plan for us involves using these talents to serve Him for the good of others.

In fact, the Holy Spirit has gifted each believer for specific work in God’s kingdom. Scripture explains this idea by a comparison with a human body: each person has gifts and purposes that make the entire system function well. But if the heel wants the eye’s role, the whole being will lose balance.  Each part is crucial, even though some are less noticeable than others.  We are called to serve the King of Kings with whatever abilities we are given.

1 Corinthians 12: 4-6: There are diversities of gifts, but the same Spirit.  There are differences of ministries, but the same Lord.  And there are diversities of activities, but it is the same God who works all in all.

_______________________________________________________________________________________

Muitas pessoas ouvem a palavra “servir” e sentir-se que eles não têm as qualidades necessárias fazer uma diferença em outros’ vidas. Isto é verdadeiro — à parte de Deus. Mas Ele tem talentoso cada um de nós em maneiras raras com um propósito em mente. O seu plano para nós envolve usando estes talentos para servi-lO para o bom de outros.

Aliás, o Espírito Sagrado tem talentoso cada crente para trabalho específico em Deus reino. A escritura explica esta idéia por uma comparação com um corpo humano: cada pessoa tem presentes e propósitos que fazem a função inteira de sistema bem. Mas se o calcanhar quer o papel do olho, o ser inteiro perderá equilíbrio. Cada parte é crucial, mesmo que algums são menos notáveis que outros. Nós somos chamados servir o Rei de Reis com o que capacidades que nós somos dados.

1 coríntio 12: 4-6: Há diversidades de presentes, mas o mesmo Espírito. Há diferenças dos ministérios, mas o mesmo Senhor. E há diversidades de atividades, mas é o mesmo Deus que trabalha em soma.

 

AwAreness: John bible study / A consciência: John, estudo de bíblia

Posted in Gypsy Carns on July 27, 2012 by Gypsy Carns

John 1:6, 7 – There was a man sent from God, whose name was John.  This man came for a witness, to bear witness of the Light, that all through him might believe.

John the Baptist is contrasted with Jesus Christ, Jesus is God; John was a man sent from God.  Jesus was the Light; John was the lamp that bore witness to the Light.  To bear witness menas to testify or to declare.  John uses the word translated witness 33 times as a verb and 14 times as a noun in his Gospel.  The term is important to his purpose, which is to record witnesses to Jesus as the Messiah, so the individuals might believe in Him.  Believe meas “to trust”.  John uses this verb almost a hundred times in his Gospel to express what must take place for a person to receive the gift of eternal life.

_____________________________________________________________________________________

John 1:6, 7 – havia um homem enviado de Deus, cujo nome era John. Este homem veio para uma testemunha, suportar testemunha da Luz, que todos por ele talvez acreditem.

John que o batista é contrastado com jesus cristo, Jesus é Deus; John era um homem enviado de Deus. Jesus era a Luz; John era a lâmpada essa testemunha de cilindro à Luz. Para suportar menas de testemunha testificar ou declarar. John usa a palavra testemunha traduzida 33 vezes como um verbo e 14 vezes como um substantivo no seu Evangelho. O termo é importante ao seu propósito, que é registrar testemunhas a Jesus como o Messias, então os indivíduos talvez acreditem Nele. Acredite meas “confiar em”. John usa este verbo quase cem vezes no seu Evangelho para expressar o que deve acontecer para uma pessoa receber o presente de vida eterna.

 

AwAreness: John bible study / A consciência: John, estudo de bíblia

Posted in Gypsy Carns on July 26, 2012 by Gypsy Carns

John 1:5 – And the light shines in the darkness, and the darkness did not comprehend. it.

Christ entered this dark world to give it spiritual light.  The word translated comprehend can mean (1) to take hold of. (2) to overpower; or (3) to understand.  Therefore, this verse may mean the darkness did not positively take hold of or understand the light, or that darkness did not negatively overcome the light.  Although Satan and his forces resist the light, they cannot thwart it’s power.  In short, Jesus is life and light; those who accept Him are “sons of light”.  As the creation of light was the beginning of the original creation (Genesis 1:3), so when believers receive the light, they become part of the new creation. ___________________________________________________________________________________

John 1:5 – E os brilhos leves na escuridão, e a escuridão não compreenderam..

O enetered de cristo que este mundo escuro dar lhe luz espiritual. A palavra traduzida compreende pode querer dizer (1) tomar controle de. (2) dominar; ou (3) entender. Portanto, este verso pode querer dizer a escuridão definitivamente não tomou controle de nem entende a luz, nem que escuridão negativamente não superou a luz. Embora Satã e as suas forças resistem a luz, eles não podem opor-se é poder. Em resumo, Jesus é vida e luz; esses que O aceitam são “filhos de luz”. Como a criação de luz era o começo da criação original (Gênese 1:3), então quando crentes recebem a luz, eles tornam-se parte da nova criação.

AwAreness: John bible study / A consciência: John, estudo de bíblia

Posted in Gypsy Carns on July 24, 2012 by Gypsy Carns

John 1: 3, 4 – All things were made through Him, and without Him nothing was made that was made.  In Him was life, and the life was the light of men.

God the Father created the world (Genesis 1:1) through God the Son (Colossians 1:15,16). All creation was made through Him.  Thus He is the Creator God.  Note that life is not said to have been created; life existed in Christ.  Humans are dependent on God for life.  Our existence, spiritually and physically, depends on God’s sustaining power.  In contrast, the Son has life in Himself from all eternity.  The life, Jesus Christ, is also the light of men. As the light, Jesus Christ reveals both sin and God to humans.  Death and darkness flee when the life and light enter.

_____________________________________________________________________________________

John 1: 3, 4 – Todas as coisas foram feitas por Ele, e sem Ele nada foi feito que foi feito. Nele era vida, e a vida era a luz de homens.

O deus que o Pai criou o mundo (Gênese 1:1) por Deus o Filho (Colossians 1:15,16). Toda a criação foi feita por Ele. Assim Ele é o Deus de Criador. Anote que vida não é dito ter sido criada; vida existiu em Cristo. Os seres humanos são dependentes em Deus para vida. Nossa existência, espiritualmente e fisicamente, depende do poder do Deus que apóia. Em contraste, o Filho tem vida em Si de toda a eternidade. A vida, jesus cristo, é também a luz de homens. Como a luz, jesus cristo revela tanto peca e Deus a seres humanos. A morte e escuridão fugem quando a vida e luz entram.

AwAreness: John, bible study / A consciência: John, estudo de bíblia

Posted in Gypsy Carns on July 23, 2012 by Gypsy Carns

The LORD has put it upon my heart to discuss the first chapter of John.  Sort of like a bible study if you will, but in very small portions so we get the sense of it all.

John 1: 1,2 – In the beginning was the Word, and the Word was with God, and the Word was God.  He was in the beginning with God.

Genesis 1:1 starts with the moment of creation and moves forward to the creation of humanity.  John 1:1 starts with creation and contemplates eternity past.  The fact that the Word was with God suggests a face-to-face relationship.  In the ancient world, it was important that persons of equal station be on the same level, or face-to-face, when sitting across from one another.  Thus the word with indicates a personal relationship, but also implies equal status.  The Word, Jesus Christ Himself, is an active Person in communication with the Father.  Moreover, the Word was God.

The word order in Greek shows that the Word was “God”, not “a god”.  This is a straightforward declaration of Christ’s deity, since John uses Word to refer to Jesus.  The Word was of the very quality of God, while still retaining His personal distinction from the Father.  Verse 2 – neither the Person of Christ, nor His Sonship, came into being at a point in time.  Rather, the Father and the Son have always been in loving fellowship with one another.

_______________________________________________________________________________________

O SENHOR pô-lo sobre o meu coração discutir o primeiro capítulo de John. O tipo de similar um estudo de bíblia se você irá, mas em porções muito pequenas então nós recebemos o sentido de ele todos.

John 1: 1.2 – No começo era a Palavra, e a Palavra estava com Deus, e a Palavra era Deus. Ele estava no começo com Deus.

A gênese 1:1 inícios com o momento de criação e movimentos remetem à criação da humanidade. John 1:1 inícios com criação e contempla eternidade passado. O fato que a Palavra estava com Deus sugere um cara a cara relacionamento. No mundo antigo, era importante que pessoas de estação igual estejam no mesmo nível, ou cara a cara, ao sentar-se em frente de si. Assim a palavra com indicar um relacionamento pessoal, mas também implica estado igual. A Palavra, jesus cristo Se, é uma Pessoa ativa em comunicação com o Pai. Além do mais, a Palavra era Deus.

A ordem das palavras em exposições gregas que a Palavra era “Deus”, não “um deus”. Isto é uma declaração clara da divindade do Cristo, desde que usos de John Redigem referir a Jesus. A Palavra era da mesma qualidade de Deus, ao ainda reter a Sua distinção pessoal do Pai. O verso 2 – nem a Pessoa de Cristo, nem o Seu Sonship, veio em ser num ponto com o tempo. Antes, o Pai e o Filho sempre estiveram em companheirismo carinhoso consigo.

AwAreness: Witnessing / Testemunhar

Posted in Gypsy Carns on July 19, 2012 by Gypsy Carns

The apostle Paul had passion and vision to reach the world with the good news about salvation. As he followed the Spirit’s leading, his determination proved effective.  Paul knew that Jesus had instructed His followers to “make disciples of all the nations,” teaching them to observe everything He had commanded. God led and enabled the apostle to do his part in carrying out this divine mission.

But think about life back then—that was a big task for a time when there was no mass communication.  God’s command is still relevant for us today. He has given us the work of telling all nations about redemption through Christ’s blood and resurrection.
Compared to Paul, we have an abundance of communication capabilities—including radio, television, Internet, and cell phones—which provide easy access into countries all over the world. We could make more disciples by better utilizing these technologies.

We stand at a critical moment in history for the church. The door of opportunity is wide open for us to share the gospel through a variety of methods. As believers, we are obligated to carry out Christ’s Great Commission. Be careful that neither busyness nor apathy keeps you from obedience.

Matthew 28:19 – “Go therefore and make disciples of all the nations, baptizing them in the name of the Father and of the Son and of the Holy Spirit.”

________________________________________________________________________________________

O apóstolo Paul teve paixão e visão alcançar o mundo com a notícia boa sobre salvação. Como ele seguiu o Espírito dirige, a sua determinação provou eficaz. Paul soube que Jesus tinha instruído os Seus seguidores “fazer discípulos de todas as nações,” ensinando-os observar tudo que Ele tinha mandado. O deus dirigiu e capacitou o apóstolo para fazer a sua parte em executar esta missão divina.

Mas pensa sobre vida de volta então—que era uma tarefa grande para um tempo quando não havia nenhuma comunicação de massa. O comando do deus é ainda relevante para nós hoje. Ele deu-nos o trabalho de contar todas as nações sobre redenção pelo sangue do Cristo e ressurreição. Comparou com Paul, nós temos uma abundância de capacidades de comunicação—inclusive rádio, televisão, Internet, e telefones celulares—que fornecem acesso fácil em países no mundo inteiro. Nós podíamos fazer mais discípulos por melhor utilizar estas tecnologias.

Nós ficamos num momento crítico em história para a igreja. A porta de oportunidade é escancarada para nós compartilhar o evangelho por uma variedade de métodos. Como crentes, nós somos obrigados a executar a a Comissão de Grande do Cristo. Tenha cuidado que nem busyness nem apatia o mantem de obediência.

Matthew 28:19 – “Vai portanto e faz discípulos de todas as nações, batizando-os no nome do Pai e do Filho e do Espírito Sagrado”.

AwAreness: Contentment / Contentamento

Posted in Gypsy Carns on July 13, 2012 by Gypsy Carns

We’re often discontent even when all is going well. Consequently, we wonder how it’s possible to be truly content during our most difficult trials, especially when there’s no end in sight. So what is genuine contentment?

It’s usually when we cannot control or change our situation that we feel discontentment. As long as our satisfaction depends on whether certain things actually work out, we’ll allow circumstances to cheat us out of peace. I’m not saying there’s some spiritual stage where you will never again experience anxiety or frustration. But what matters is how we respond when those feelings grip us.

How do you respond when circumstances are out of your control? Do you get angry? Do you try to escape? Does despair make you want to give up? Paul chose to give his anxieties to Jesus in exchange for peace that “surpasses all comprehension”. That same peace is available to you!

Philippians 4: 6, 7 – Be anxious for nothing, but in everything by prayer and supplication, with thanknsgiving, let your requests be made known to God; and the peace of God, which surpasses all understanding, will guard your hearts and minds through Jesus Christ.

_______________________________________________________________________________________

Contentamento
Muitas vezes estamos descontentes mesmo quando tudo está indo bem. Conseqüentemente, nós queremos saber como é possível ser verdadeiramente conteúdo durante nossas provações mais difíceis, especialmente quando não há nenhum fim à vista. Então o que é o contentamento genuíno?
Geralmente é quando não podemos controlar ou mudar nossa situação que achamos que o descontentamento. Enquanto nossa satisfação depende se certas coisas realmente funcionaram para fora, vamos permitir que circunstâncias a enganar-nos de paz. Não estou dizendo que há algum estágio espiritual onde você nunca mais experimentará ansiedade ou frustração. Mas o que importa é como nós respondemos quando esses sentimentos pega nos.
Como você responde quando as circunstâncias são fora de seu controle? Você ficar com raiva? Você tenta escapar? Desespero faz-você quer desistir? Paulo escolheu para dar suas ansiedades a Jesus em troca de paz que “supera a compreensão de todos”. Que a paz está disponível para você!
Filipenses 4:6, 7 – estar ansiosos por nada, mas em que tudo, pela oração e pela súplica, com thanknsgiving, sejam seus pedidos conhecidos diante de Deus; e a paz de Deus, que excede todo o entendimento, guardará os vossos corações e mentes através de Jesus Cristo.